Buscamos o que há de mais avançado no mundo em tecnologia, segurança e controle para assegurar aos nossos clientes a viabilidade das células-tronco armazenadas do cordão umbilical.

PROCESSAMENTO

A combinação do que há de mais avançado em termos de tecnologia de processamento de células-tronco do cordão umbilical e rigorosos processos internos em nosso laboratório, permitem a recuperação de um maior número de células-tronco disponíveis para transplantes.

O número médio de células das amostras armazenadas pela CordVida é de 1,0 bilhão. Isso é mais de 100% superior ao padrão mínimo estabelecido pela ANVISA. Este dado é muito importante, pois a quantidade de células é um dos principais o fatores para o sucesso de um transplante.

Nós fomos escolhidos pelas mais renomadas empresas americanas e canadenses que processam células-tronco do tecido do cordão, para sermos a única detentora do acordo de transferência destas tecnologias no Brasil.

 

ARMAZENAMENTO

A CordVida oferece os mesmos sistemas de armazenamento que as melhores empresas do mundo usam: as tecnologias Automática e Semiautomática.
As amostras são congeladas em bolsas criogênicas bipartidas e armazenadas em tanques de nitrogênio a -196°C . Estudos já comprovam que células armazenadas por mais de 23 anos mantiveram características funcionais e de viabilidade adequadas para o uso em transplantes.

Tecnologia Automática®

Tecnologia exclusiva. Sistema de armazenamento individualizado, totalmente fechado, inviolável e sem interferência humana. Uma vez armazenada, a amostra não é mais movimentada, eliminando o risco de qualquer variação de temperatura.
O acesso às amostras se dá individualmente, através de um braço robótico e sem a abertura dos tanques.

Tecnologia Semiautomática

Sistema, que armazena amostras de forma compartilhada em racks (gaveteiros) metálicos. É a tecnologia comumente utilizada por bancos privados de sangue do cordão umbilical. A CordVida customizou esta tecnologia de forma a limitar o compartilhamento a apenas oito amostras por rack, um número bem menor que o padrão utilizado no Brasil. Isto significa menos exposição das amostras a variações de temperatura durante o armazenamento.
As bolsas criogênicas utilizadas pela CordVida para armazenamento das células-tronco são projetadas também para o futuro. Cada bolsa comporta 25ml e é dividida em duas partes: uma de 20mL e outra de 5mL. Este formato foi idealizado para possibilitar o uso no futuro das amostras em mais de uma oportunidade.

SEGURANÇA E MONITORAMENTO

Para garantir que as células mantenham sua integridade, nosso laboratório é monitorado 24 horas por dia, todos os dias do ano, através dos mais modernos sistemas de segurança, controle e monitoramento.

Controle do laboratório:

O acesso ao laboratório é controlado por um sistema de identificação combinando senhas e biometria. O sistema faz uma leitura eletrônica da palma da mão e permite somente a entrada dos técnicos cadastrados.

O laboratório é um espaço com controle constante de temperatura e de qualidade do ar ambiente. Qualquer variação mínima na umidade, na temperatura ou na quantidade de oxigênio é acusada por um sistema computadorizado de alarme.

SISTEMAS DE BACKUP:

TUDO O QUE ACONTECE EM NOSSO LABORATÓRIO É CONTROLADO E CONTA COM SISTEMAS DE BACKUP COMO: GERADORES DE ENERGIA DE ALTA CAPACIDADE, SERVIDORES EXTERNOS E UM SISTEMA DE ALIMENTAÇÃO DE NITROGÊNIO LÍQUIDO AUTOMATIZADO E INDEPENDENTE DE INTERFERÊNCIA HUMANA.

AINDA COM DÚVIDA? FALE COM UM CONSULTOR